Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4
Acessibilidade 5 Alto contraste 6

Vereadores aprovam desapropriação de terreno para desvio de caminhões

Publicado em 08/11/2018 às 16:57 - Atualizado em 08/11/2018 às 16:57

Carla Shimoguiri defendeu a desapropriação
Créditos: ASCOM Baixar Imagem

Os vereadores de Três Barras aprovaram na última quarta-feira, 07, o projeto de lei que garante a desapropriação de um terreno para a construção do Desvio de Caminhões do município. A matéria recebeu parecer unânime dos edis presentes e agora segue para sanção ou veto do executivo.

                De acordo com o texto, a administração municipal fica autorizada a desapropriar área de terras com 86.352,99 m², que atualmente pertence a empresa Rigesa Celulose, Papel e embalagens LTDA, a WestRock, por um valor de pouco mais de R$ 800 mil reais. No local, haverá o traçado da rodovia que desviará o transito de caminhões pesados.

                Carla Shimoguiri (PTB) comentou a matéria: “A desapropriação é um dos primeiros passos para a construção do desvio, e pelo desvio, a comunidade clama há muito tempo”, relatou. Ainda sobre o projeto, Carla disse esse ser o mais viável para os cofres do município, que deverá arcar sozinho com a despesa. Ela também afirmou que parte da área será transformada num parque ambiental para proteger o Rio Barra Grande, que passa pelo local.

                O traçado que a prefeitura planejou para a construção da rodovia não é o mesmo que havia sido prometido pelo Governo do Estado na primeira ampliação da Fábrica de Papel da WestRock. Aquele projeto é inviável para os cofres municipais. Porém, diante da situação de que, mês após mês, mais caminhões adentram no município e danificam a Avenida Rigesa, principal via da cidade, o executivo, num esforço com os vereadores, decidiu realizar a obra milionária com recursos próprios.

                O Barriga, como é popularmente conhecido o vereador Laudecir José Gonçalves (PR), comentou sobre a situação: “O governador Raimundo Colombo esteve aqui em Três Barras no lançamento da pedra fundamental da primeira expansão, prometeu fazer o desvio e não fez. A obra nunca começou. Depois, prometeu de novo, agora já nem é mais governador e nós ainda não recebemos um centavo para essa obra”, desabafou.

                O novo traçado ligará do norte para o sul o estado do Paraná à SC 120, rodovia que conduz a BR 280. O desvio começará em frente a Secretaria de Saúde e Educação, seguindo pelo bairro Argentina, em uma nova rua a ser construída próxima a linha férrea, e seguirá até a rotatória do recebimento de madeiras da WestRock. O investimento deve superar os 10 milhões de reais.


Galeria

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar